Tipos de próteses mamárias: tire suas dúvidas!

TIPOS DE PRÓTESES

No dia a dia de nosso consultório temos constatado que a grande maioria das pacientes mostra-se confusa em relação aos diversos tipos de próteses de silicone.

Tal fato se justifica pela variedade enorme de tamanhos, formatos, perfís, tipos de gel e revestimentos que as empresas fabricantes de implantes, hoje existentes no nosso mercado, nos colocam à disposição. Sem falar na complexidade de informações que você encontra na web ao pesquisar sobre o assunto.

Perfil alto ou perfil baixo?  Redonda ou anatômica?  Qual escolher?

Em primeiro lugar, é importante que você entenda que TAMANHO DE PRÓTESE MAMÁRIAS NÃO É A ESCOLHA MAIS IMPORTANTE! Como assim?

Garanto que você sempre pensou que só isso fosse o mais importante na nossa escolha. Não! CADA SEIO MERECE UM TIPO DIFERENTE DE PRÓTESE DE ACORDO COM AS CARACTERÍSTICAS INDIVIDUAIS DA PESSOA!  Se já tem um pouco de seio ou não, se o seio que tem é caído, ou tem flacidez na pele, se a pessoa é magra ou tem gordura debaixo da pele. Se é alta ou baixa. De acordo com esses parâmetros vamos escolher o implante mais adequado, com perfil mais projetado ou não, de formato redondo ou “em gota”, se colocaremos na frente ou atrás do músculo. Uma prótese 400, redonda de perfil alto colocada na frente do músculo é completamente diferente de uma 400 super-alta colocada atrás do músculo. Mesmo volume, resultados diferentes!

Mas, vamos entender os diversos tipos de próteses.

1. FORMATO: basicamente existem TRÊS formatos: redondo,  anatômico (natural ou “em gota”) e cônico .

O formato redondo,  o mais usado, é simétrico em todas suas dimensões,  preenchendo igualmente todos os espaços da mama principalmente o colo da mama, região que normalmente apresenta-se vazia.

TIPOS DE PRÓTESES

O formato anatômico, mais preenchido na sua parte central e inferior, simula o formato natural do seio feminino e é mais indicado para mulheres mais magras, que não desejam um resultado muito “marcado” ou tipo “bola” e para quem não tem o seio caído. Também muito usado em casos de reconstrução mamária após cirurgias de câncer de mama. Este tipo de prótese preenche menos o colo da mama, comparado ao redondo, podendo acentuar mais ainda o aspecto caído do seio. Dessa forma, é mais indicado para mulheres com seios bem proporcionados e sem nenhuma flacidez.

TIPOS DE PRÓTESES

O formato cônico  está indicado para pacientes que tem tórax e ombros estreitos, porque é o que possuiu a menor largura. É um implante que projeta bastante o seio sem aumentar o volume nas laterais e sem proporcionar o aspecto artificial arredondado causado pela prótese redonda. O aspecto natural desse formato tem atraído cada vez mais a atenção e escolha de pacientes e cirurgiões. Como ela tem o foco na projeção, não é preciso grandes volumes de prótese para buscar o tamanho desejado. Com as próteses cônicas, consegue-se um bom formato e projeção do colo da mama, sendo este o resultado almejado por muitas mulheres.

TIPOS DE PRÓTESES

Saiba mais sobre as 10 dúvidas mais frequentes sobre prótese de silicone.

2. PROJEÇÃO (PERFIL)Além dos formatos,  as próteses se diferenciam pela sua projeção ou diferentes perfis. A diferença dos perfis está na projeção das próteses (ou quanto elas deixam os seios “mais pra frente), e na largura da base das prótese (o quanto ela se “espalha na mama). Para um mesmo volume, quanto mais alto o perfil, menor a base do implante e maior sua altura.

Entenda   sobre os diferentes Perfis das Próteses Redondas e suas Indicações: 

TIPOS DE PRÓTESES

Redonda de Perfil Baixo:  a largura é maior (diâmetro) e a projeção (altura)  menor. Indicada para pacientes que possuem o tórax largo ou que desejam um aumento dos seios para os lados com pequena projeção na frente, o que não é muito utilizado atualmente.

Redonda de Perfil Alto: a largura é moderada (média)  e oferece mais projeção aos seios. Ideal para mulheres quem têm tórax proporcional e pouco volume no colo.

Redonda de Perfil Super Alto: têm a largura da prótese mais estreita e maior projeção. Devido a preferência por seios grandes, são os tipos de perfil mais utilizados pela mulheres, uma vez que  permitem volumes maiores com menor aumento da base, evitando que a prótese avance para regiões indesejadas, ou seja, sobre para os lados. Portanto é ideal para mulheres com tórax estreito.

Ficou com alguma dúvida? Comente aqui ou nas nossas redes sociais e compartilhe este conteúdo!